Sou mestre na arte de falar em silêncio. Toda a minha vida falei calando-me e vivi em mim mesmo tragédias inteiras sem pronunciar uma palavra.

"Eu sou do tipo apaixonado cabeça de bagre, que insiste num amor que não vai dar certo mas mesmo assim quero tentar."
Matheus Oliveira   
"E tem dias que é assim mesmo. Eu não quero graça, conversa, brincadeira. Quero ficar no meu mundo imaginário, erguer os muros e riscar os limites. Mas ainda assim, tem pessoas que se atrevem a atravessar essas barreiras. E o pior de tudo, se surpreendem com a minha reação agressiva. Você chama de ignorância, eu chamo de auto-defesa."
Allax Garcia.   
"Sabe quando você deita na cama, coloca aquela música favorita e começa a pensar em todas as bobagens que você já fez, nas pessoas que você gosta e que pararam de conversar do nada. É nessas horas que dá um aperto no peito e aquela vontade de voltar no tempo, só para poder consertar essas pequenas coisas que no fim fazem uma grande diferença."
Silvio Cruz 
"Se o homem pode fazer apenas uma pessoa feliz durante toda uma vida, então sua vida foi justificada."
Charles Bukowski.
"Nós nunca vamos nos acostumar com a ideia de que até se formos na esquina poderemos dar de cara com o amor, porque acredite ou não, metade se soubesse trataria de arrumar a roupa ideal e a bagunça de seus corações antes de pisarem os pés na calçada. A outra metade nem sairia de casa. É tão triste fugir do amor."
Os porquês de Amélia Roswell.  
"A pior coisa do mundo é ficar sóbrio no meio de um bando de bêbados idiotas."
Charles Bukowski - em Hollywood
"Não conseguia entender o que tinha acontecido com a minha vida. Tinha perdido a elegância. Tinha perdido a mundanidade. Tinha perdido a concha protetora. Tinha perdido o senso de humor diante dos problemas alheios. Queria tudo de volta. Queria que as coisas corressem mansas pra mim. De algum jeito, eu sabia que isso não ia mais acontecer, pelo menos não tão logo. Eu estava fadado a me sentir culpado e desprotegido."
Charles Bukowski  
"Esse é o primeiro texto que escrevo estando sob o efeito de álcool. Sinto muito, sinto tanto que precisei encher a cara, castigar o meu fígado ao máximo, tentar afogar gota a gota esse peso, a vaidade e o egoísmo que existem dentro de mim. Cansado da falsa benevolência das pessoas, briguei com deus e não tenho com quem desabafar. Quero ser eu outra vez, mas nunca foi tão difícil de me encontrar como nesse último mês. Sinto falta de algumas coisas, existem três buracos em meu peito, foram feitos por tiros de realidade. É como se minha alma tivesse sido caprichosamente descosturada do meu corpo. Um buraco para a falta de crença, outro para o desgaste emocional e um terceiro que ainda não consegui dar-lhe sentido, mas não quer dizer que não esteja ali, sangrando como os outros. O medo comeu minha crença. Estou em uma dança íntima e iminente com meu próprio fim. Vejo o anjo da morte no centro da lagoa em plena luz do dia. Me desarmo, sem pudor, perco o medo, me entreguei. Renasci."
Sereno. A Embriaguez de estar Sóbrio.  
"É uma saudade pós-saudade. Uma saudade sem o peso de uma saudade. Uma saudade sem a tortura de uma obsessão. Uma saudade de detalhes que só vem em sonhos que não me acordam antes das cinco. Uma saudade que não podia sentir quando estava cheio de saudade. Uma saudade que remete ao último gole do meu bourbon em copo de extrato de tomate. Uma saudade de quem aprendeu a conviver com o pôr do sol."
Gabito Nunes. 
"Era tudo que eu queria nesse exato momento, chorar com você, olhando pra você, chorarmos juntos, por tudo, por mim, por nós, por esse mundo que não nos dá uma folga, e depois deixarmos nossos corpos boiando no oceano, no silêncio absoluto e em seguida navegar ao encontro da felicidade nesse mar que escorreu dos nossos olhos."
Elisa Bartlett.   
"Ironia é uma figura de linguagem das mais nobres que existe. Não se explica. Não vem com bula, nem manual de instruções, e muito menos com “ironicmode”. Sendo assim… Se for usá-la, tenha certeza de que poderá ser mal interpretado."
Tico Santa Cruz. 
"O maior elogio que eu poderia fazer a uma pessoa era dizer assim: gosto de você além da minha imaginação, não porque aprendi a gostar, mas porque por mais que eu sonhe, você é ainda melhor que o sonho. Você é além da minha capacidade em te imaginar. E eu jamais te diria isso. Não posso te fazer esse elogio."
Tati Bernardi. 
"Sempre admirei o vilão, o fora da lei, o filho da puta. Não gosto dos garotos bem-barbeados com gravatas e bons empregos. Gosto dos homens desesperados, homens com dentes rotos e mentes arruinadas e caminhos perdidos. São os que me interessam. Sempre cheios de surpresas e explosões. Também gosto de mulheres vis, cadelas bêbadas que não param de reclamar, que usam meias-calças grandes demais e maquiagens borradas. Estou mais interessado em pervertidos do que em santos. Posso relaxar com os imprestáveis, porque sou um imprestável. Não gosto de leis, morais, religiões, regras. Não gosto de ser moldado pela sociedade."
Charles Bukowski - Ao sul de lugar nenhum